Pastor da Assembleia de Deus comete suicídio e o primeiro caso em 2018

Gilson Genário Rodrigues era dono de uma fabrica de moveis na cidade

Por Redação/Fonte FG 01/02/2018 - 01:37 hs
Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Pastor da Assembleia de Deus comete suicídio e o primeiro caso em 2018
Reprodução internet

O pastor da Igreja Assembleia de Deus Ministério Rio Comprido, na cidade de Espera Feliz em Minas Gerais, foi encontrado morto por volta das 22 horas desta Segunda-Feira (29).

Gilson Genário Rodrigues era dono de uma fabrica de moveis na cidade, e seu corpo foi encontrado já sem vida. O pastor foi vítima de suicídio, e usou uma corda para tirar a própria vida.

Em estado de choque, a família do pastor ainda sem acreditar no que aconteceu, tem procurado evitar tocar no assunto nas redes sociais nesse momento. Informações apontam que o sepultamento do corpo foi feito ás pressas, para amenizar a dor.

Não se sabe o que teria levado o pastor Gilson a tirar a própria vida, mas rumores apontam que ele estaria bastante endividado, informação que ainda não foi confirmada pela família.

Nas redes sociais da igreja também não foi publicado nada sobre o caso, e ao que se percebe, deve permanecer assim, já que muitos entendem que um pastor cometer suicídio pode manchar a imagem da igreja.

O caso é apontado como o primeiro suicídio de um pastor evangélico em 2018. Só em Dezembro de 2017, pelo menos três pastores tiraram a própria vida, chocando toda a comunidade evangélica do país.